Quais os novos tratamentos para hepatite C?

A Hepatite C é uma infecção viral que ocorre no fígado. É silenciosa, ou seja, a maior parte das pessoas infectadas não sabe que tem o problema. Por isso, a importância de procurar um especialista – gastroenterologista ou infectologista. A hepatite C é, atualmente, a maior causa de cirrose hepática, de transplantes de fígado e, também, um importante fator de risco para o desenvolvimento de câncer nesse órgão. O tratamento dessa doença  geralmente é feito com a combinação de um medicamento injetável, o interferon, e outro oral, a ribavirina (antiviral), eficazes em aproximadamente 60% dos casos. A grande novidade é a disponibilidade, no mercado, de novas drogas orais da classe dos inibidores da protease (boceprevir e telaprevir), que são adicionados aos cuidados convencionais. Essa medida aumenta a efi cácia de cura em até 75%, além de reduzir o tempo do tratamento em parte dos casos. No entanto, a melhor maneira de evitar a doença é, ainda, a prevenção: evitar contato com sangue e líquidos corporais contaminados e praticar sexo seguro.

 

Dr. Kleper Newton Falcão de Almeida – CRM –18798
Especialista em doenças infecciosas

 

Todos os domingos na Revista do Correio Braziliense temos um espaço para você, leitor, tirar dúvidas sobre alguma especialidade médica. Envie sua pergunta para comunicacao@santalucia.com.br e participe de nossa coluna.

16/06/2012
   |   Fonte: Informe Publicitário - Correio Braziliense

Instalações

Conheça as instalações disponibilizadas pelo Hospital.

box