Sala vermelha oferece atendimento emergencial diferenciado a pacientes graves

Pacientes que necessitam de cuidados e vigilância intensivos enquanto aguardam a definição do diagnóstico, uma cirurgia de emergência ou transferência para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) podem contar com o atendimento de um time de profissionais especializados e equipamentos de última geração na Sala Vermelha do Hospital Santa Lúcia.

“A sala vermelha é o local para atendimento ao paciente grave no pronto-socorro. Seu modelo está alinhado aos mais modernos centros de emergência médica do mundo, com boxes individuais e estrutura semelhante a uma unidade de tratamento intensivo dentro do próprio PS, com equipe dedicada de médicos, enfermeiros e auxiliares”, explica o diretor-técnico do Hospital Santa Lúcia, Raul Sturari.

A sala vermelha funciona há aproximadamente um ano, tem capacidade para atender a até sete pacientes simultaneamente e está equipada com monitores cardíacos, desfibriladores, ventiladores mecânicos, bombas de infusão, instrumental para procedimento de emergência — como intubações, drenagem torácica e traqueostomias —, dentre outros equipamentos.

Nela, atuam profissionais médicos com experiência em medicina de emergência. “Todos possuem residência médica, certificação em Suporte Avançado de Vida em Cardiologia (ACLS, na sigla em inglês) e muitos atuam prioritariamente em UTIs. A sala conta ainda com corpo de enfermagem exclusivo e com experiência em atendimento a pacientes graves”, detalha Sturari.

27/03/2016

Instalações

Conheça as instalações disponibilizadas pelo Hospital.

box