Santa Lúcia oferece assistência completa e integrada ao paciente oncológico

Serviço integralizado traz benefícios para a qualidade do tratamento, garante especialista.

 

Estudo do Instituto Nacional de Câncer (INCA) aponta as neoplasias como a segunda causa de morte no Brasil, ficando atrás apenas das doenças cardiovasculares. Estima-se que, a cada ano, são diagnosticados mais de 12 milhões de casos da doença no mundo, causando cerca de oito milhões de mortes. Pelo menos um terço dessas mortes poderia ter sido evitado com a prevenção, detecção precoce e acesso ao tratamento, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

 

Ciente da importância que envolve cada medida na terapêutica para a cura de tumores malignos, o Santa Lúcia oferece assistência completa através da integração da unidade de oncologia com os serviços do Hospital. Em um ambiente confortável e humanizado, o paciente conta com serviço de oncologia ambulatorial, hematologia, estrutura 24 horas para atendimento emergencial pós-quimioterápico, transplante de medula óssea, radioterapia, medicina nuclear com PET–CT e radiologia.

 

A assistência especializada executada em ambiente hospitalar é única no Distrito Federal e reforça o atendimento multidisciplinar preconizado pelos grandes centros de tratamento de câncer no mundo. De acordo com o coordenador-médico da Oncologia do Hospital Santa Lúcia, o hematologista Eduardo Ribeiro, a concentração dos serviços em um mesmo local promove mais segurança, agilidade e acolhimento, tendo como resultado um tratamento humanizado para cada indivíduo assistido.

 

“O paciente que hoje é atendido em unidades de oncologia necessita de suporte remoto de hospitais nos casos de intercorrências, seja para realização de exames, atendimento de emergência, consultas ambulatoriais em outras especialidades ou mesmo internação”, afirma. “Tais facilidades oferecem comodidade para o paciente, que não precisa se deslocar. Ele passa a ter mais tranquilidade e pode se concentrar melhor no enfrentamento da doença”, completa Dr. Eduardo.

 

 

Tratamento integrado

Com um dos serviços mais completos do Distrito Federal, a estrutura do centro oncológico do Santa Lúcia é composta por consultórios médicos, farmácia própria com atendimento individualizado e espaços privativos com boxes individualizados para procedimentos de quimioterapia. A unidade também oferece o serviço de Day Clinic, em que o paciente, podendo evitar a internação, faz o tratamento no hospital e retorna ao ambiente familiar no mesmo dia.

 

O transplante de medula óssea é outro diferencial. O Santa Lúcia é o único hospital particular do Distrito Federal que executa todas as etapas do transplante autólogo de medula óssea em um mesmo ambiente — desde coleta, congelamento, armazenamento, processamento, até a transfusão.

 

A equipe multidisciplinar é formada por oncologistas clínicos, cirurgiões oncológicos e hematologistas auxiliados por enfermeiros e farmacêuticos especialistas na área. E, para que tudo funcione de maneira orquestrada, o corpo assistencial está alinhado a protocolos de condutas clínicas bem definidas.

21/07/2013
   |   Fonte: Equipe do Site

Instalações

Conheça as instalações disponibilizadas pelo Hospital.

box